TORRES NOVAS – Ministro da Defesa fala sobre oportunidades de negócio nesta...

TORRES NOVAS – Ministro da Defesa fala sobre oportunidades de negócio nesta indústria

O Ministro da Defesa, José Pedro Aguiar-Branco, vai estar na NERSANT em Torres Novas no próximo dia 21 de abril, para dar a conhecer às empresas as oportunidades de negócio nesta indústria. O seminário é uma iniciativa do idD – Plaraforma das Indústrias da Defesa Nacionais, em parceria com a NERSANT. Todas as empresas estão potencialmente abrangidas desde que forneçam ou prestem serviços no âmbito da defesa e segurança, como bens, serviços e tecnologias de duplo uso, que vão desde o software, aos têxteis, calçado, ou catering. O idD está a organizar por todo o país, um ciclo de conferências sob o tema “Economia da Defesa – Uma oportunidade estratégica para Portugal”, para divulgar junto da comunidade empresarial, as oportunidades de negócio deste setor de atividade. Dia 21 de abril, a região de Santarém recebe este seminário, que se vai realizar a partir das 14h00, na sede da NERSANT, em Torres Novas, associação parceira desta entidade para a dinamização da conferência no Ribatejo. Tendo em conta a importância do tema e a necessidade de aumentar o número de negócios nesta área, o Ministro da Defesa, José Aguiar-Branco, apadrinha esta causa, fazendo questão de marcar em presença em Torres Novas, para alertar as empresas para as oportunidades de negócio neste mercado. Veja-se que, quando falamos nesta indústria, estamos a falar de uma indústria que gera anualmente 1,72 mil milhões de euros e que é responsável por cerca de 20 mil empregos altamente qualificados em Portugal. Um mercado com muitas oportunidades especialmente ao nível internacional, mas para o qual as empresas portuguesas ainda não estão particularmente despertas. Para além do Ministro da Defesa, marcam presença neste seminário Pedro Ferreira, Presidente da Câmara Municipal de Torres Novas, que fará a sessão de abertura do evento, bem como António Figueiredo Lopes, Presidente da Eurodefense e José Cordeiro, Presidente da AED, que farão a caracterização do mercado da defesa. As “Oportunidades para as Empresas – Funcionamento do Procurement da Defesa em Portugal”, serão explicadas por Horácio Santos, Chefe da Divisão DGRDN e o tema “Promoção Externa das Indústrias da Defesa”, será enunciado por Eduardo Filipe Neto, Presidente do Conselho de Administração da idD. Após as intervenções previstas, terá lugar um debate composto por um painel empresarial, onde intervêm os empresários André Godinho Luz, da Glexyz, Miguel Braga, da Altran Portugal, Jorge Pais, Vice-Presidente AIP, José Cordeiro, Presidente AED e Miguel Botelho de Sousa, Administrador Executivo idD. A moderação está ao cargo de Luís Ferreira Lopes. A sessão de encerramento está ao cargo da Presidente da Direção da NERSANT, Maria Salomé Rafael. De referir que todas as empresas portuguesas estão potencialmente abrangidas desde que forneçam ou prestem serviços no âmbito da defesa e segurança – do equipamento estritamente militar, a bens, serviços e tecnologias de duplo uso, que vão desde o software, aos têxteis, calçado, catering, entre outros. As inscrições são gratuitas e devem ser feitas no portal da NERSANT, em www.nersant.pt. Para mais informações, os interessados devem contactar o Departamento de Associativismo, Marketing e Eventos, através dos contactos dame@nersant.pt ou 249 839 500.