PENICHE – Homem acusado de agredir a própria mãe fica sujeito a...

PENICHE – Homem acusado de agredir a própria mãe fica sujeito a vigilância eletrónica

Um homem, de 41 anos, está sob vigilância eletrónica, acusado da prática de violência doméstica agravada. O Tribunal considerou encontrar-se fortemente indiciado que o arguido molestou física, verbal e psicologicamente a vítima, sua mãe, na residência desta, onde coabitavam. Os factos indiciados ocorreram entre 2021 e junho últimos, no concelho de Peniche. Resultou, ainda, indiciado que o homem agarrou os pulsos da vítima, retirou-lhe bruscamente a canadiana que a ajudam a caminhar e empurrou-a para o chão, onde a mesma caiu desamparada, provocando-lhe dores na zona da anca. A senhora tem 78 anos e padece de problemas de locomoção. O arguido já foi condenado, entre outros, pelos crimes de violência doméstica e ameaça. Desta forma, o juiz de Instrução Criminal determinou que o arguido aguardasse os ulteriores termos do processo sujeito à medida de coação de obrigação de permanência na habitação, com vigilância eletrónica, e de proibição de contactos com a vítima.