MÉDIO TEJO – Viatura Médica de Emergência e Reanimação apresenta uma média...

MÉDIO TEJO – Viatura Médica de Emergência e Reanimação apresenta uma média de três ocorrências diárias

A Viatura Médica de Emergência e Reanimação do Médio Tejo está ao serviço há 17 anos, neste caso às populações das áreas abrangidas pelos hospitais de Abrantes, Tomar e Torres Novas. «O objetivo da VMER é proporcionar cuidados de emergência médica pré-hospitalar altamente diferenciados, às vítimas de acidente ou de doença súbita. A tripulação deste meio de socorro é constituída por um médico e um enfermeiro com formação específica em suporte avançado de vida, lidando com situações extremamente complexas, que envolvem normalmente risco de vida», reforça o CHMT. «Foi no dia 2 de maio de 2005 que a VMER do Médio Tejo entrou em funcionamento, estando desde essa altura localizada na Unidade de Abrantes. Esta viatura dá resposta a situações em que seja necessário prestar cuidados de emergência ainda fora do Hospital, ou seja, pode dizer-se que é acionada em situações em que mais urgente do que a vítima chegar ao Hospital é que o Hospital vá até junto da vítima», recorda o mesmo texto. 𝐏𝐚𝐫𝐚 𝐪𝐮𝐞 𝐬𝐞 𝐭𝐞𝐧𝐡𝐚 𝐮𝐦𝐚 𝐢𝐝𝐞𝐢𝐚 𝐝𝐚 𝐚𝐭𝐢𝐯𝐢𝐝𝐚𝐝𝐞 𝐝𝐞𝐬𝐭𝐚 𝐕𝐌𝐄𝐑, 𝐧𝐨 𝐚𝐧𝐨 𝐝𝐞 𝟐𝟎𝟐𝟏 𝐫𝐞𝐠𝐢𝐬𝐭𝐨𝐮 𝟏.𝟏𝟏𝟖 𝐚𝐭𝐢𝐯𝐚𝐜̧𝐨̃𝐞𝐬, 𝐨 𝐪𝐮𝐞 𝐬𝐢𝐠𝐧𝐢𝐟𝐢𝐜𝐚 𝐮𝐦𝐚 𝐦𝐞́𝐝𝐢𝐚 𝐝𝐢𝐚́𝐫𝐢𝐚 𝐝𝐞 𝐭𝐫𝐞̂𝐬 𝐬𝐚𝐢́𝐝𝐚𝐬. 𝐀𝐬𝐬𝐢𝐧𝐚𝐥𝐚-𝐬𝐞 𝐚𝐢𝐧𝐝𝐚 𝐪𝐮𝐞 𝐞𝐦 𝐭𝐨𝐝𝐨 𝐞𝐬𝐬𝐞 𝐩𝐞𝐫𝐢́𝐨𝐝𝐨 𝐚 𝐕𝐌𝐄𝐑 𝐧𝐚̃𝐨 𝐭𝐞𝐯𝐞 𝐪𝐮𝐚𝐥𝐪𝐮𝐞𝐫 𝐩𝐞𝐫𝐢́𝐨𝐝𝐨 𝐝𝐞 𝐢𝐧𝐨𝐩𝐞𝐫𝐚𝐜𝐢𝐨𝐧𝐚𝐥𝐢𝐝𝐚𝐝𝐞 𝐫𝐞𝐥𝐚𝐜𝐢𝐨𝐧𝐚𝐝𝐚 𝐜𝐨𝐦 𝐟𝐚𝐥𝐭𝐚 𝐝𝐞 𝐦𝐞́𝐝𝐢𝐜𝐨 𝐨𝐮 𝐞𝐧𝐟𝐞𝐫𝐦𝐞𝐢𝐫𝐨, 𝐨𝐮 𝐬𝐞𝐣𝐚, 𝐨 𝐜𝐨𝐦𝐩𝐫𝐨𝐦𝐞𝐭𝐢𝐦𝐞𝐧𝐭𝐨 𝐝𝐨 𝐂𝐇𝐌𝐓 𝐩𝐚𝐫𝐚 𝐜𝐨𝐦 𝐨 𝐟𝐮𝐧𝐜𝐢𝐨𝐧𝐚𝐦𝐞𝐧𝐭𝐨 𝐝𝐞𝐬𝐭𝐞 𝐦𝐞𝐢𝐨 𝐝𝐞 𝐬𝐨𝐜𝐨𝐫𝐫𝐨 𝐞́ 𝐭𝐨𝐭𝐚𝐥. «A VMER do Médio-Tejo conseguiu afirmar-se pela qualidade dos cuidados de saúde prestados, muitas vezes em condições extremamente complexas e que necessitaram do total empenho dos médicos e enfermeiros. Os profissionais do CHMT que colaboraram com a VMER e possibilitaram para que milhares de vidas fossem salvas são merecedores de reconhecimento e admiração da comunidade do Médio Tejo», conclui o Centro Hospitalar.