LEIRIA – Aluno da Secundária Afonso Lopes Vieira foi à escola quando...

LEIRIA – Aluno da Secundária Afonso Lopes Vieira foi à escola quando deveria estar em quarentena. Está infectado. Caso denunciado à PSP

A Escola Secundária Afonso Lopes Vieira, de Leiria, apresentou queixa na Polícia de Segurança Pública em virtude de um aluno, que deveria estar de quarentena, ter marcado presença na apresentação da turma mesmo se conhecer o resultado do teste à covid-19. Soube-se, agora, que está infectado, assim como o pai. A mãe do aluno estava a cumprir quarentena. Assim assim, os pais permitiram que o jovem colocasse outras pessoas em risco, um comportamento que já foi alvo de muitas críticas pela directora da escola. Em declarações ao Jornal de Leiria, Celeste Frazão, refere que após tomar conhecido do teste positivo «Imediatamente iniciámos os contactos com a turma e com o professor, que hoje não vieram à escola. Como tinham uma distância de mais de um metro e meio e estavam de máscara amanhã deverão regressar”. Nesta fase, todos os alunos que estiveram na proximidade do jovem infectado estão a ser contactados e devem ficar em quarentena. A docente aponta o dedo aos pais: «Já denunciei a situação à polícia. É uma grande irresponsabilidade da parte dos pais. Estamos a reinventar-nos. Esforçámo-nos para criar as melhores condições de segurança sanitária aos alunos e não pode haver atitudes destas que põem em risco toda a comunidade».