CHAMUSCA – Município inaugura exposição fotográfica “Tenho em mim todas as mulheres...

CHAMUSCA – Município inaugura exposição fotográfica “Tenho em mim todas as mulheres do mundo”, de Inês Valador

No âmbito do Programa Municipal de Formação e Ocupação em Contexto de Trabalho, promovido pela Câmara da Chamusca, Inês Valador, Conselheira Municipal para a Igualdade e estudante do Mestrado de Estudos sobre as Mulheres, criou uma exposição fotográfica, que pretende alertar e sensibilizar a comunidade do concelho da Chamusca, e particularmente a camada mais jovem para a problemática da igualdade de género. A mostra “Tenho em mim todas as mulheres do mundo” será inaugurada no dia 6 de maio (18h30) e estará patente na Galeria Municipal da Chamusca até ao dia 20. Esta exposição fotográfica é uma recriação (com crianças e jovens mulheres) de fotografias icónicas de feministas, e de mulheres que de alguma forma se destacam na luta pela igualdade de género, em maior ou menor escala, nas mais diversas áreas e surge no âmbito do projeto “Coração + Igual”, apresentado por Inês Valador, na primeira edição do Programa Municipal de Formação e Ocupação em Contexto de Trabalho. Na mostra são retratadas oito mulheres portuguesas, entre elas Maria de Lurdes Pintassilgo, Capicua, As Três Marias, Carolina Beatriz Ângelo, e Telma Monteiro, e cinco mulheres de outras nacionalidades, entre as quais Frida Kahlo, Malala Yousafzai, Greta Thunberg, Virginia Woolf, e Simone de Bouvoir. As recriações são realizadas por raparigas, entre os 9 e os 16 anos de idade, que representam essencialmente a importância da representatividade feminina existente nos mais diversos meios. Para Inês Valador “o que se pretende transmitir com esta exposição fotográfica, é a ideia de que os passos dados por cada uma destas mulheres, habitam na maior liberdade agora vivida por estas raparigas, e que, fornecidas as armas corretas, todas as jovens têm também potencial para serem, e fazerem, aquilo com que sonham”. Inês Valador é natural de São Miguel (Açores), tem 25 anos de idade e vive atualmente na freguesia da Carregueira, no Concelho da Chamusca. O interesse pelas temáticas da igualdade de género, violência no namoro e estereótipos de género, surgiu durante a sua adolescência. Em 2011 já integrava o Movimento GRAAL, participando de forma ativa nos projetos até aos dias de hoje. Licenciada em Animação Turística e recém Mestre em Estudos Sobre as Mulheres – As Mulheres na Sociedade e na Cultura, pela Faculdade Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa, frequenta atualmente o Programa Municipal de Formação e Ocupação em Contexto de Trabalho, onde tem vindo a desenvolver o seu projeto “Coração + Igual”.

O Programa Municipal de Formação e Ocupação em Contexto de Trabalho é promovido pela Câmara da Chamusca e tem como objetivo contribuir para a formação humana, cívica e académica dos jovens, residentes no Concelho da Chamusca, que se encontrem em situação de desemprego ou à procura do primeiro emprego. Este programa, com a duração de um ano, destina-se a todos os jovens licenciados, mestres ou doutorados (níveis 6 a 8), assim como a jovens provenientes de cursos técnicos profissionais (nível 5), que são desafiados a apresentar, a desenvolver e a implementar um projeto inovador e pertinente para o concelho da Chamusca.