Augusto Tamagnini será perpetuado na toponímia de Tomar

Augusto Tamagnini será perpetuado na toponímia de Tomar

A Câmara Municipal de Tomar, por proposta dos Independentes, aprovou um voto de pesar em memória de Augusto Tamagnini, reconhecido médico tomarense que faleceu no dia 21 deste mês de Março, quando contava 101 anos de vida. Embora residisse actualmente em Torres Novas, nunca deixou de se preocupar com o concelho nabantino e com os seus habitantes. Nesse sentido, Pedro Marques, eleito dos IpT, apresentou a referida proposta, que deverá resultar, ainda, na colocação do nome de Augusto Tamagnini na toponímia da cidade: «O tomarense Augusto Tamagnini notabilizou-se pelo exercício da medicina no hospital de Tomar, no Hospital Militar, no Centro de Saúde ou no Prado, tendo sido um cirurgião conhecido e reconhecido por várias gerações de cidadãos, a quem serviu com dedicação. Participou nas lutas de oposição ao regime ditatorial. Teve uma fugáz participação autárquica ao encabeçar a lista da CDU à Câmara Municipal de Tomar nas eleições de 1982, tendo sido eleito vereador mas renunciou ao mandato passado pouco tempo. Figura sobejamente conhecida dos tomarenses, que o respeitavam e acarinhavam. Comemorou, no ano passado, 100 anos de vida».