TORRES NOVAS – Câmara atribuiu 36 bolsas de estudo, num investimento a...

TORRES NOVAS – Câmara atribuiu 36 bolsas de estudo, num investimento a rondar os 55 mil euros

Terminado o processo de atribuição de bolsas de estudo para alunos a frequentar o ensino superior, para o ano académico 2022/2023, a Câmara de Torres Novas vai atribuir 36 bolsas de estudo (20 renovações e 16 novas bolsas). Destas, quatro correspondem a lugar em residência sendo as restantes bolsas, bolsas de cariz pecuniário. Com as 32 bolsas pecuniárias prevê-se um encargo total de 55.019 euros. As candidaturas foram ordenadas em função da ponderação definida nas normas aprovadas, considerando o escalão de abono de família de cada candidato e a média final do secundário. «Com esta medida pretende-se continuar a apoiar as famílias do concelho, favorecendo a igualdade de oportunidades no acesso ao prosseguimento de estudos e à obtenção de qualificações deste nível de ensino, através de programa que conjuga o mérito escolar e a carência económica», refere uma nota de imprensa do Município. «Desde o início do programa, no ano letivo 2016/2017, o município já apoiou 58 alunos aos quais se juntam agora os novos 16 bolseiros, perfazendo um total de 74 alunos apoiados», reforça o mesmo texto.