TOMAR – Ruído excessivo no centro comunitário para famílias de etnia cigana....

TOMAR – Ruído excessivo no centro comunitário para famílias de etnia cigana. Não chegou qualquer queixa à Câmara e nem há procedimentos formais na PSP

bdr

Não há, por agora, registo de qualquer queixa formalizada na Polícia de Segurança Pública e nem chegou qualquer denúncia à Câmara de Tomar a propósito dos recentes episódios de ruído excessivo que ocorreram no centro comunitário para famílias de etnia cigana situado junto ao Destacamento da Guarda Nacional Republicana, na avenida António da Fonseca Simões. Com efeito, são várias as críticas que têm eco pelas chamadas redes sociais, neste caso para denunciar situações de barulho intenso no decurso desta quadra festiva, um cenário que se tem repetido, de quando em vez, desde que aquela comunidade ali foi colocada. A PSP já foi chamada ao local em várias ocasiões mas, por agora, estas ações não surtiram efeitos práticos, lamentam os moradores nas imediações, que se sentem prejudicados no direito ao descanso. Entretanto, fonte oficial da Câmara de Tomar confirmou à nossa redação que, por agora, não recebeu qualquer denúncia, recordando que eventuais procedimentos criminais «são sempre da responsabilidade das autoridades».