TOMAR – PSD mostra «estranheza» com «mudança de posição» de Anabela Freitas...

TOMAR – PSD mostra «estranheza» com «mudança de posição» de Anabela Freitas na “atribuição de despesas de representação”

O executivo da Câmara de Tomar aprovou, por unanimidade, a atribuição de despesas de representação aos titulares de cargos de direcção intermédia do Município. Ainda assim, apesar de todas as forças representadas terem o mesmo sentido de voto, o Partido Social-Democrata, pela voz do vereador João Tenreiro, quis recuar ao passado, precisamente à altura em que Anabela Freitas, hoje presidente, era membro da bancada do PS na Assembleia Municipal. João Tenreiro confessou a sua «estranheza» pela mudança de posição da autarca, demonstrando, ainda, algumas dúvidas em torno das ditas acções de representação realizadas em 2015: «Já no ano passado manifestámos essa estranheza… e continuamos a manifestar quando à posição de V. Exas relativamente às despesas de representação. A posição que era tida por V. Exa (ndr: referindo-se a Anabela Freitas) na qualidade de deputada municipal, ou seja, era contra a atribuição uma vez que as dificuldades económicas não permitiriam que na altura a governação PSD pudesse pagar estes montantes. Já no ano passado estranhámos a posição de V. Exas, que a alterou, e na altura disse-me que ia começar a pagar despesas de representação porque as pessoas que ocupam estes cargos iriam começar a representar o Município… como se despesa de representação, desculpe que lhe diga, fosse directamente para representar. Esta despesa é uma compensação por um serviço que tem, um cargo de chefia, onde não tem horário. Ao longo do mandato de um ano não sei onde está essa chamada representação… ».

Na resposta, Anabela Freitas referiu que alguns dirigentes da autarquia estiveram em «missão» de representação do Município, nomeadamente em aniversários ou outros eventos das associações nabantinas: «Devo dizer-lhe que durante o ano de 2015 houve dirigentes desta casa que fizeram efectiva representação nos compromissos de fim-de-semana. Temos muitas associações e não podemos ir a todas elas, pelo que alguns dirigentes fizeram representações de Municípios em aniversários e eventos dessas mesmas associações».