TOMAR – PS aprova Orçamento de 51,6 milhões para 2023. PSD questiona...

TOMAR – PS aprova Orçamento de 51,6 milhões para 2023. PSD questiona «fiabilidade» do documento (c/vídeo)

A Câmara de Tomar aprovou, pela maioria do Partido Socialista (com posição contrária do Partido Social-Democrata), o Orçamento e Grandes Opções do Plano para 2023, sendo que está em causa um valor na ordem dos 51,6 milhões de euros, o que significa um aumento de 3,11% relativamente a 2022. Prevê-se uma receita corrente de 40,6 milhões enquanto a despesa será de 30,4 milhões., com uma chamada margem de segurança de 33,5%. O documento aponta, ainda, despesas com pessoal em cerca de 14,2 milhões de euros, já com os aumentos previstos. Nota, também, para um acréscimo de 30% nas transferências para as freguesias. Anabela Freitas, presidente da Câmara de Tomar, fez uma abordagem inicial a este Orçamento. Como sublinhado, o Partido Social-Democrata votou contra este documento, sendo que, na intervenção inicial, destaque para as palavras da vereadora Lurdes Ferromau, que questionou a fiabilidade do orçamento e ainda qual a confiança que os tomarenses devem ter no que é proposto pelo Partido Socialista. Assista, pelo vídeo editado pela nossa redação, à discussão do orçamento para 2023.