TOMAR – Perdas e roubos de água continuam a provocar um “rombo”...

TOMAR – Perdas e roubos de água continuam a provocar um “rombo” nas contas municipais

Está aberta a candidatura a fundos comunitários para fazer face a perdas de água na rede, investimentos que se destinam a minorar um problema que, para Tomar por exemplo, custa muito mas muito dinheiro, na ordem do milhão e meio de euros, sendo que dentro das perdas se podem incluir as captações ilegais e as rupturas. Quando aos fundos comunitários, estão em causa cerca de 40 milhões de euros destinados às entidades gestoras do sector, sendo que a substituição das redes de abastecimento não é abrangida por este fundo. Mais uma vez, a perda de água em Tomar foi assunto debatido na recente reunião do executivo camarário, altura em que a presidente Anabela Freitas referiu que a autarquia está atenta a este processo: