TOMAR – Nem a cidade escapa à vespa asiática. Já foram destruídos...

TOMAR – Nem a cidade escapa à vespa asiática. Já foram destruídos cerca de dez ninhos desta espécie invasora e perigosa

A vespa asiática já chegou a Tomar. À cidade, entenda-se. Há registo para a remoção de cerca de uma dezena de ninhos, o que demonstra a capacidade de adaptação desta espécie invasora, que causa significativos prejuízos aos apicultores e pode ser potencialmente perigosa para o ser-humano. O distrito de Santarém será mesmo, na actualidade, um dos territórios onde a vespa asiática mais se encontra, numa dimensão, ainda assim, que já atingiu a escala nacional. Importa, sobretudo, sensibilizar os cidadãos para o impacto negativo desta espécie e fazer ver que só com formação – e com muito cuidado – é que se pode destruir um ninho. Em Tomar, por exemplo, há registo para a Enxame d’Abelhas, especializada na área. A Hertz falou com Diogo Simões, um dos rostos desta empresa, que disse não estar surpreendido com a rápida proliferação da vespa asiática e deixou um conjunto de conselhos a quem se deparar com a espécie:

Foto /www.enxamedabelhas.com