TOMAR – Investidores chineses querem ocupar parte da zona industrial para linhas...

TOMAR – Investidores chineses querem ocupar parte da zona industrial para linhas de montagem. Poderá haver postos de trabalho a caminho

Investidores chineses, representando várias empresas do setor das novas tecnologias, estiveram reunidos com a Presidente da Câmara Municipal de Tomar, Anabela Freitas, no sentido de avaliarem a possibilidade de instalarem empresas chinesas no Parque Industrial de Tomar. Liu Hong Wei e Zhang Yao manifestaram interesse pelas condições que Tomar oferece, tanto no que se refere às redes rodo e ferroviárias como a proximidade das zonas portuárias e aeroportuárias. Para já estudam a possibilidade de ocuparem cerca de 50.000 m2 para linhas de montagem, com incorporação de matéria nacional.

De acordo com as declarações de Liu Hong Wei, “Tomar é um bom local para atrair investimento chinês, porque as infraestruturas e as condições mínimas exigidas a qualquer empresário, já cá existem. Voltaremos em novembro com ideias mais sólidas.” Por seu lado, a Presidente da Câmara, Anabela Freitas, não querendo antecipar o desfecho de qualquer negócio, apenas refere que a Autarquia “tudo fará para o melhor crescimento do concelho e da Região. O primeiro passo está dado, vamos aguardar com serenidade e total empenho”. António Campos, CEO da Nersant, também esteve na Câmara Municipal de Tomar para apresentar aos investidores chineses as industrias de referência desta Região e todo um manancial de incentivos que estão disponíveis para quem investe, cria postos de trabalho e gera riqueza. Os empresários chineses, que voltarão em novembro à cidade de Tomar, pretendem criar uma plataforma industrial em Portugal que sirva de ligação entre a Europa e África.