TOMAR – Incêndio em gerador na rua de São João combatido com...

TOMAR – Incêndio em gerador na rua de São João combatido com extintor da paróquia. Protecção Civil esclarece chegada ao local

Tudo não passou de um susto. Na noite da última sexta-feira, um gerador – que estava num veículo pesado pertencente à produção do filme «Fátima» – incendiou-se e causou momentos de alguma apreensão na rua de São João, no centro histórico de Tomar. De tal forma que houve necessidade de recorrer à ajuda de comerciantes ali situados, assim como do extintor da Igreja de São João, e em parceria foi possível evitar males maiores, ou seja, que as chamas se propagassem a qualquer veículo ou edifício. Quando os bombeiros chegaram ao local, cerca de quinze minutos volvidos, já o fogo estava extinto pelo que os soldados da paz se “limitaram” aos trabalhos de consolidação. Os estragos ficaram limitados ao camião que tinha o gerador. Importa referir que, nas chamadas redes sociais, foi referido que os bombeiros tiveram dificuldades em chegar ao local e quando o fizeram foram forçados a entrar com os veículos de combate em marcha-atrás. Fonte oficial da Protecção Civil nabantina, contactada pela Hertz, rejeitou a existência dessas dificuldades, justificando que a chegada em marcha-atrás «obedece a critérios de segurança para além de ser mais funcional ao nível do trabalho já que os recursos, por normal, ocupam a parte traseira dos veículos». Quanto à marcha-atrás – ficou esse reforço na explicação – «manda o bom-senso que os condutores assim o façam, principalmente em vias estreitas, para o caso se ser necessário sair do local com urgência».