TOMAR – Concelho tem «apenas» mas dois médicos de família mas há...

TOMAR – Concelho tem «apenas» mas dois médicos de família mas há territórios que ficaram a ‘zeros’ apesar de incentivos que duplicavam salário

O concelho de Tomar – a par de Ourém – foi aquele que do Médio Tejo recebeu mais médicos de família no âmbito do concurso recentemente aberto e que, diga-se, ficou aquém das expetativas… e das necessidades das populações. Basta dizer que o Agrupamento de Centros de Saúde solicitou 22 vagas mas só foram concedidas 12 e, destas, apenas cinco ficaram preenchidas. Para além de Tomar e Ourém, nota para o Entroncamento, que irá receber um novo médico. De resto, todos os outros concelhos do Médio Tejo ficam a ‘zeros’. Manuel José Soares, da Comissão de Utentes, lamentou estes números: