TOMAR – Candidatura de Lurdes Ferromau surpreendeu estrutura do PSD. Por aqui...

TOMAR – Candidatura de Lurdes Ferromau surpreendeu estrutura do PSD. Por aqui se poderá explicar a falta de apoio – pelo menos para já – de João Tenreiro e José Delgado

O anúncio da candidatura de Lurdes Ferromau Fernandes à presidência da Concelhia de Tomar do Partido Social-Democrata terá apanhado de surpresa grande parte da estrutura integrante da actual Comissão Política, que se deparou com este anúncio no plenário que decorreu nesta terça-feira. Depois do arranque dos trabalhos e da intervenção de João Tenreiro, actual líder da Concelhia, Lurdes Ferromau Fernandes pediu a palavra para comunicar a sua intenção, formalizada publicamente durante esta quarta, dando conta dos apoios de alguns presidentes de Junta, casos de Jorge Rosa, João Luís Alves e Alexandre Horta, para além de Luís Boavida (que chegou a ser candidato à Câmara nas recentes Autárquicas), Tiago Carrão (foi o candidato do PSD à freguesia urbana) e de Isabel Boavida, eleita para a Assembleia Municipal. Neste lote foram notórias as ausências do próprio João Tenreiro e ainda de José Delgado, actual vereador e presidente da Mesa, pelo que, neste sentido, a Hertz procurou saber se esta dita “ausência” quer dizer falta de apoio a Lurdes Ferromau. João Tenreiro, contactado pela nossa redacção, diz que o objectivo «nesta fase são as eleições directas» deste sábado, ao passo que José Delgado, também contactado pela Hertz, referiu que «todas as candidatura são importantes pois abrem o debate… e isso é crescer». Recorde-se que João Tenreiro, que está no terceiro mandato (foi eleito em Março de 2012, ganhando, na altura a Carlos Carrão) não poderá recandidatar-se, sendo que também não é provável que José Delgado avance para as eleições, ele que foi o antecessor de Tenreiro na Comissão Política Concelhia.