TOMAR – Câmara confirma: dívida do Município baixou de 36 para 19,7...

TOMAR – Câmara confirma: dívida do Município baixou de 36 para 19,7 milhões de euros

A informação é da Câmara de Tomar: «em cinco anos de governação do Partido Socialista a dívida total a bancos, fornecedores e outros credores baixou de 36 milhões de euros para 19,7. O prazo real de pagamentos a fornecedores situa-se entre 30 a 60 dias, tal como se conclui da circularização feita no primeiro trimestre de 2019, e em que só 2 credores mencionaram uma dívida superior a 120 dias, cujo montante é de 83.683,02 €». Num texto enviado para a redacção da Hertz, o Município nabantino refere que «esta é a situação financeira verificada a 30 de junho de 2019 o que denota a evolução que se tem verificado desde 2013. O próprio relatório de auditoria, relativo ao triénio de 2014 a 2016, vem mencionar assinaláveis melhorias significativas em relação a anos anteriores, reconhecendo a diminuição do passivo e do risco de execução de despesa, tendo este risco diminuído de 21,8 para 1,7 milhões. A dívida municipal per capita era em 2012 de 895,00 € diminuiu 40%, isto foi possível mantendo os impostos municipais e bonificação do IMI Familiar». «O referido relatório da IGF (Inspeção Geral de Finanças) vem recomendar melhorias em termos de taxa de execução da receita, taxa esta que não se conseguiu pelo facto de não se terem aumentado impostos nem taxas. Para além disso recomenda melhorias ao nível de gestão do imobilizado e a criação de uma equipa de auditoria interna, medidas que estão a ser implementadas». «Salienta-se ainda que o desempenho financeiro dos anos 2017 e 2018 foram significativamente melhores do que os se verificaram no ciclo auditado».