TOMAR – Bruno Graça (CDU), arrasador: mercado não teria sido reaberto sem...

TOMAR – Bruno Graça (CDU), arrasador: mercado não teria sido reaberto sem a CDU e acordo entre PS e Independentes trai os cidadãos (c/vídeo)

Bruno Graça, candidato da CDU à Câmara de Tomar, não tem dúvidas: «não fosse a persistência da Coligação Democrática Unitária e ainda hoje o mercado municipal estaria por reabrir». O também vereador, responsável, precisamente, pela área dos mercados e feiras, fechou o ciclo de entrevistas que a Hertz promoveu junto de todos os candidatos à autarquia nabantina nas eleições de Outubro próximo. Olhou para o futuro – como se impunha – mas não deixou de fazer uma avaliação ao que aconteceu neste mandato, começando, então, por se referir à questão do mercado municipal. O acordo recentemente celebrado entre Partido Socialista e Independentes também mereceu uma avaliação de Bruno Graça. O candidato da CDU diz que não tem razões para se sentir traído mas lamenta que esta “parceria” «demonstre a falta de valores de alguns agentes políticos, que arrastam para a política aquilo que as pessoas não gostam». O candidato da Coligação Democrática Unitária diz mesmo que «traídos foram os cidadãos» mas acredita que as pessoas percebam que o PS «apenas pense em somar votos para alcançar a maioria» e que «outros tenham em vista a sua sobrevivência política».