TOMAR – Agressões na rua Miguel Ferreira “mancharam” Cortejo dos Tabuleiros

TOMAR – Agressões na rua Miguel Ferreira “mancharam” Cortejo dos Tabuleiros

O Cortejo dos Tabuleiros ficou marcado por um momento infeliz na rua Miguel Ferreira. Por ocasião de uma paragem para que os pares pudessem alimentar-se e beber alguma água, centenas de pessoas que se encontravam naquela artéria protestaram face ao que consideraram como demora excessiva na referida pausa. Refira-se que muitos desses espectadores chegaram a Tomar integrados em excursões. Face à demora no Cortejo, o horário de regresso a casa dos autocarros ficou condicionado e em alguns casos essa viagem teve mesmo que se efectuar ainda antes que essas pessoas pudessem assistir à passagem dos pares. Surgiram mesmo diversos apupos da multidão, o que obrigou a organização a diminuir o tempo de pausa. No entanto, a troca de palavras mais exaltadas numa determinada zona de espectadores deu azo a agressões, sendo que, pelo menos, duas senhoras apanhadas na confusão foram arrastadas pelo chão. Houve dificuldade em controlar os ânimos já que a Polícia de Segurança Pública só tinha dois agentes do local.