SERTÃ – Concelho foi notícia no Financial Times, que abordou os efeitos...

SERTÃ – Concelho foi notícia no Financial Times, que abordou os efeitos dos incêndios

O reputadíssimo jornal internacional Financial Times dedicou, na sua edição do passado dia 4 de outubro, uma reportagem ao concelho da Sertã, designadamente aos efeitos dos incêndios florestais na região.
Assinado pelo correspondente em Portugal deste influente periódico, Peter Wise (e com fotos de Raquel Wise), a peça jornalística mergulha no dia-a-dia de algumas aldeias do concelho da Sertã, procurando perceber como os trágicos incêndios dos últimos anos têm prejudicado a economia local e as vivências da sua população. Peter Wise narra a resiliência dos habitantes, sublinhando que “a população local concentrou-se em vencer as pequenas batalhas para melhorar aquilo que são vidas já de si difíceis” em vez de seguir o exemplo dos «coletes amarelos» em França, que encheram as ruas de Paris, exigindo novas políticas ao governo do país. Peter Wise visitou a aldeia da Macieira (freguesia do Troviscal), onde falou com alguns dos seus habitantes, e também a vila de Cernache do Bonjardim. Aqui o jornalista britânico invocou a história da luta bem-sucedida contra o encerramento do Instituto Vaz Serra, depois de o Governo ter suspenso o apoio financeiro à instituição. O presidente da Câmara Municipal da Sertã foi um dos entrevistados para este artigo. José Farinha Nunes lamentou a ineficácia do governo central em resolver alguns dos problemas crónicos que afetam o interior do país: “Os problemas têm sido estudados de forma exaustiva, mas quando se torna necessário colocar em prática as medidas sugeridas, é-nos dito que não existe dinheiro para isso”. O artigo escrito em inglês foi publicado nas edições on-line e papel (com versões de texto ligeiramente diferentes) do Financial Times, um dos jornais mais lidos em todo o mundo.