SANTARÉM – Greve dos CTT: 36 dos 40 carteiros aderiram à greve

SANTARÉM – Greve dos CTT: 36 dos 40 carteiros aderiram à greve

dav

A greve parcial dos trabalhadores dos CTT em Santarém arrancou com uma adesão de 36 carteiros num total de 40 trabalhadores afectos ao CDP. Numa nota de imprensa enviada para a nossa redacção, a União de Sindicatos refere que «esta adesão demonstra claramente a unidade dos trabalhadores em torno da resolução dos seus problemas laborais, mas também na defesa do serviço de distribuição postal público e Universal e da empresa CTT». Para além dos representantes do SNTCT (Sindicato responsável pelo pré-aviso de greve), esteve também presente uma representação da USS/CGTP-IN que transmitiu através da leitura de uma saudação a solidariedade de Sindicatos e trabalhadores para com a luta dos carteiros do CDP de Santarém e um representante do Comité Central do PCP afirmando a solidariedade desse partido para com a luta daqueles trabalhadores. «A greve parcial vai continuar até ao dia 30 de Março tendo como reivindicação uma alteração dos giros de distribuição e a melhoria das condições de trabalho nas instalações do CDP dos CTT de Santarém», recorda o mesmo texto.