OURÉM – PSP ‘sempre presente’ na Peregrinação a Fátima. ’13 de Maio’...

OURÉM – PSP ‘sempre presente’ na Peregrinação a Fátima. ’13 de Maio’ em marcha

Com a aproximação do dia 13 de maio e o subsequente aumento de peregrinos nas estradas, que se deslocam rumo ao Santuário de Fátima, a Polícia de Segurança Pública (PSP) intensifica a sua presença e visibilidade nas vias rodoviárias urbanas, contribuindo para o aumento da segurança rodoviária e dos próprios peregrinos. Este local constitui-se um importante lugar de peregrinação por ali terem ocorrido as seis aparições de N. Sr.ª de Fátima, entre maio e outubro de 1917 (assinalando-se este ano o 105.º aniversário). Estes meses, que marcam o aniversário de início e final das aparições, são os que registam, usualmente, maior afluência de peregrinos pelas estradas e caminhos nacionais. Até 15 de maio, a PSP assegura ações de visibilidade policial e acompanhamento aos peregrinos com o duplo propósito de promover a coexistência segura entre a normal circulação rodoviária e a circulação pedonal destes grupos. As vias habitualmente utilizadas pelos peregrinos serão também, nesta janela temporal, especialmente visadas no controlo da velocidade de circulação automóvel.

A PSP, com o intuito de explicar a importância da adoção sistemática e voluntária de comportamentos de segurança rodoviária tem organizado, desde abril e a nível nacional, sessões de informação dirigidas aos peregrinos, nas quais os N/Polícias abordam as medidas de auto proteção e de segurança rodoviária no contexto da deslocação apeada de grupos, com ou sem apoio de veículos. Como habitual, a Polícia de Segurança Pública coordena esta intervenção com as autoridades eclesiásticas, edilidades, grupos informais de cidadãos e demais parceiros. Especialmente nesta janela temporal a PSP aconselha a todos os condutores:

– Pratique uma condução defensiva, antecipando permanentemente a necessidade de, repentinamente, ter de imobilizar o veículo, mudar de direção ou desviar-se de um obstáculo;

– Diminua a velocidade de circulação nos centros urbanos;

– Ao visualizar um grupo de peregrinos e ou um carro de apoio, diminua a velocidade e antecipe a necessidade/dever de deixar uma distância de segurança de, pelo menos, 1,5 metros.

A PSP aconselha a todos os peregrinos, especialmente na circulação em contexto urbano:

– Use sempre roupas claras e materiais retrorrefletores (p.e. coletes);

– Circule pelos passeios ou, na sua ausência, pelas bermas;

– Caminhe no sentido contrário ao trânsito e sem ocupar a faixa de rodagem;

– Em grupo, caminhe em fila única;

– Desde o entardecer até ao nascer do sol, a primeira pessoa da fila deve ser portador de uma lanterna com luz branca apontada para o chão (para não encadear os condutores) e, a última, uma luz vermelha;

– Prefira as vias de menor tráfego automóvel, nomeadamente os denominados Caminhos de Fátima;

– Informe os seus familiares do planeamento da viagem (etapas, locais de paragem e/ou pernoita, outras pessoas em peregrinação);

– Informe a PSP local sobre obstáculos na via ou comportamentos perigosos por qualquer peregrino ou automobilista (contactos no sítio oficial da PSP, separador “Onde Estamos”);

– Caso necessite de apoio urgente (policial ou médico) contacte de imediato o 112.