OURÉM – Pólo de inovação e incubação deverá inaugurar em junho

OURÉM – Pólo de inovação e incubação deverá inaugurar em junho

Hélder Miguel, Presidente do Núcleo NERSANT de Ourém e Natálio Reis, Vice-presidente do Município de Ourém, visitaram a semana passada as obras de adaptação do edifício onde se irá instalar a Startup Ourém. Foi em junho de 2018, precisamente no Dia da Cidade de Ourém, que a NERSANT e o Município de Ourém formalizaram a parceria para a constituição da Startup Ourém, com a assinatura do protocolo de colaboração. Em novembro passado, mais um passo foi dado rumo à criação deste pólo empresarial, com o Município a promover a assinatura da empreitada de requalificação do ex-Edifício do CRIO – Centro de Recuperação Infantil Ouriense, sito no na Praceta Professor António de Oliveira, onde se vai instalar a nova infraestrutura de apoio à comunidade empresarial. As obras de requalificação do referido espaço já iniciaram, tendo o Presidente do Núcleo NERSANT de Ourém, Hélder Miguel e o Vice-Presidente da Câmara Municipal de Ourém, Natálio Reis, visitado as obras de adaptação do edifício. Na visita foi possível verificar que as obras estão a decorrer a bom ritmo, mantendo-se a perspetiva de que este pólo de inovação e incubação de empresas abra portas em junho. No âmbito desta visita, foi ainda decidido colocar, no exterior, um carregador para veículos elétricos, por forma a que o espaço garanta uma rede própria para carregamento de viaturas da NERSANT, que terão que fazer o acompanhamento às empresas desta região. De referir que de acordo com o protocolo, a Startup Ourém terá como funções dinamizar o empreendedorismo através do apoio a empreendedores que queiram criar a sua empresa, e do desenvolvimento de iniciativas nas escolas do concelho para promover uma cultura empreendedora, prestar aconselhamento a apoio técnico aos empreendedores e às empresas do concelho de Ourém nas mais diversas áreas, disponibilizar espaço para a instalação de empresas recém-constituídas ou em fase de desenvolvimento, criar um canal facilitado para processos de licenciamento de cariz empresarial e desenvolver ações para atração de novos investidores, em particular investimento externo. A NERSANT é a responsável pela gestão do espaço, à semelhança do que acontece com a Startup Santarém.