OURÉM – Hertz falou com um dos passageiros do autocarro que se...

OURÉM – Hertz falou com um dos passageiros do autocarro que se despistou: «Estava a chover e a estrada não é grande coisa»

Esta quarta-feira ficou marcada por um acidente que ocorreu na freguesia de Atouguia, concelho de Ourém, e que envolveu um autocarro. Houve registo para dezassete feridos sendo que, dentro deste quadro, o caso mais grave centra-se numa senhora com cerca de sessenta anos que terá fracturado os pulsos. Recorde-se que o veículo pesado de passageiros saiu da estrada e só parou quando embateu com violência numa habitação situada na proximidade, provocando estragos evidentes ao nível material, quer no imóvel, quer no autocarro propriamente dito. As causas que estiveram na base do acidente estão sob investigação das autoridades sendo que a chuva e o mau estado daquela via podem ajudar a explicar o sucedido. A Hertz recolheu o testemunho de um dos passageiros que estava no autocarro na altura do despiste. Ficou, então, esse lamento pelo mau estado da via em causa: «Tudo aconteceu dentro de um curto espaço de tempo. Quem viajava nos bancos que estavam mais atrás só se apercebeu do que estava a acontecer pelo condutor e as senhoras gritarem. Estava a chover e o piso estava algo escorregadio. E a estrada não tem condições, não está mesmo grande coisa, e se calhar porque se travou um pouco mais fez com que o autocarro fugisse. Os passageiros mais novos ajudaram quem mais necessitou, principalmente uma senhora que teria os dois pulsos partidos e mal se consiga mexer. Ajudámo-nos uns aos outros e esperámos que as ambulâncias chegassem. Em termos psicológicos, ninguém ficou assim muito afectado, sendo que o condutor estava nervoso até porque aquilo foi ali mesmo encostado a ele. As forças de socorro chegaram ao local passados cinco, dez minutos após termos ligado. Foi tudo muito rápido. Eles não demoraram muito tempo». Foto Jornal Notícias de Ourém/Facebook