OURÉM – Contrato Local de Desenvolvimento Social 3G

OURÉM – Contrato Local de Desenvolvimento Social 3G

O Contrato Local de Desenvolvimento Social 3G de Ourém foi ontem formalmente apresentado à comunidade com a inauguração das suas instalações e apresentação da equipa técnica. O CLDS 3G de Ourém iniciou atividade a 2 de novembro e tem como entidade coordenadora a APDAF – Associação para a Promoção e Dinamização do Apoio à Família e a ACISO, a Insignare e o Jardim Infantil de Ourém como entidades executoras.

O contexto económico e social no país e no concelho de Ourém legitima a existência destes projetos que através da ação de uma equipa multidisciplinar profissional e qualificada desenvolvem mecanismos de prevenção e novos paradigmas sociais. O projeto terá a duração de três anos e propõe um conjunto de ações com o objetivo de aproximar a intervenção às necessidades reais das pessoas, combatendo as problemáticas sociais em territórios especialmente afetados pelo desemprego e por situações críticas de pobreza, promovendo assim a inclusão social dos cidadãos.

Estas ações serão desenvolvidas pelo CLDS 3G de Ourém em articulação com várias entidades, entre as quais o Município de Ourém, e dividem-se em três eixos de intervenção: o primeiro, designado por “Espaço TEIA”, incide na área do emprego, formação e qualificação, o segundo – “Espaço EU” – atua na intervenção familiar e parental preventiva da pobreza infantil, e o terceiro eixo denominado “Espaço Nós” trabalha a capacitação da comunidade e das instituições. A equipa técnica do CLDS 3G de Ourém é composta por um técnico superior de serviço social, uma técnica de gestão, uma psicóloga, uma animadora sociocultural e tem como coordenadora Maria Fátima Duarte.

A coordenadora do CLDS 3G de Ourém manifestou a sua determinação em “fomentar sinergias entre os cidadãos e as instituições”, criando soluções e pontes para a resolução dos problemas reais dos cidadãos. Assegurou ainda que este projeto permitirá uma atuação em rede, relacionando as instituições sociais e as várias intervenções a desenvolver. Seguiu-se a intervenção do Diretor do Centro Distrital de Santarém da Segurança Social, Tiago Leite, que reforçou a importância de trabalhar conceitos como “empregabilidade, escola, família e sociedade”, alertando para a necessidade de em cada atividade desenvolvida os cidadãos sentirem que estão a ser úteis à sociedade, pois “a maior frustração do ser humano é não se sentir útil”. Lurdes Botas, Diretora do Centro de Emprego de Tomar, afirmou que “as empresas são um parceiro fundamental” e neste contexto realçou a importância da ACISO enquanto parceiro do projeto e defendeu uma maior proximidade entre as várias entidades que permitirá respostas mais eficazes ao nível do emprego e formação.

O presidente da Câmara Municipal, Paulo Fonseca, iniciou a sua intervenção com um apelo “ao englobamento em vez do individualismo” para chegar mais longe e ter respostas adequadas às questões sociais. Realçou que o CLDS 3G de Ourém é um “contrato de dimensão concelhia” e deve ter como principal objetivo “que as pessoas encontrem um caminho de afeto e de estímulo para o seu futuro”. Terminou com a manifestação do seu “sentimento de alegria e de confiança pela porta de esperança que abrimos hoje para todos os cidadãos que precisam de apoio”. Deolinda Simões, presidente da Assembleia Municipal, realçou a importância destas respostas sociais que “dão esperança no futuro e força para continuar”.

O CLDS 3G de Ourém está instalado na Rua Luís de Camões, Nº 42, e o horário de atendimento é das 09h00 às 17h00, de segunda a sexta-feira. Para entrar em contacto com o CLDS 3G de Ourém pode utilizar os contactos 249 409 250 e 935 431 531 ou através do email geral@clds3g-apdaf-ourem.pt. www.cm-ourem.pt