MÉDIO TEJO – São necessários mais 30 médicos de família na região....

MÉDIO TEJO – São necessários mais 30 médicos de família na região. Governo só disponibilizou 12 vagas… e destas apenas três (!) foram preenchidas por novos profissionais

O alerta – mais um – é da Comissão de Utentes da Saúde do Médio Tejo: «são necessários mais de 30 médicos de família para o Médio Tejo», número para colmatar as lacunas atualmente existentes e que deixam milhares de pessoas sem acesso direto aos cuidados de saúde primários. Nesse mesmo comunicado, os Utentes recordam que a direção executiva do Agrupamento de Centros de Saúde pediu, em recente concurso nacional, a abertura de 22 vagas, sendo que destas apenas foram atribuídas 12. E, destas, apenas foram preenchidas seis, três por profissionais que já exercem funções no ACES Médio Tejo e que agora ficam com as respetivas condições contratuais alteradas. A Comissão classifica como «urgente» alterar as condições materiais para a prestação de cuidados médicos, assim como a abertura de novos concursos por parte da Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo.