MÉDIO TEJO – Coronavírus. Número de infecções diárias em ritmo ‘galopante’. Abrantes,...

MÉDIO TEJO – Coronavírus. Número de infecções diárias em ritmo ‘galopante’. Abrantes, Ourém e Torres Novas com acréscimo de casos

Assim diz o boletim da Unidade de Saúde Pública desta quarta-feira: o Médio Tejo ‘somou’ mais 66 casos de covid-19, 35 dos quais no concelho de Abrantes, neste caso relacionados com o surto detectado no Lar do Centro Social do Pego. Para além disso, registo para mais doze infecções em Ourém, dez em Torres Novas, quatro no Entroncamento, três em Tomar e duas em Alcanena. No total, desde a chegada da pandemia, já se contabilizam 1142 doenças, 469 das quais em curso.

Perante este recente boletim da Unidade de Saúde Pública do Médio Tejo, o Entroncamento continua com o maior número de infecções activas, num total de 137. Seguem-se, nesta lista indesejada, Abrantes, com 84, e Tomar, com 70.

Eis os dados actualizados desde o início da pandemia: Entroncamento (245 infecções, 99 recuperados e nove mortes), Ourém (248 infecções e 189 recuperações), Tomar (208 casos, com 134 recuperados e quatro óbitos), Torres Novas (151 casos, 93 recuperações e seis mortes), Abrantes (137 infectados dos quais 53 estão curados), Alcanena (55 casos, 20 recuperações e duas vítimas mortais), Mação (46 infecções, 42 recuperados e um óbito), Constância (18 infecções, quatro das quais já recuperadas), Vila Nova da Barquinha (17 casos, sete dos quais dados como curados), Ferreira do Zêzere (12 casos, oito dos quais já recuperados) e Sardoal (com cinco casos, três recuperados).