MÉDIO TEJO – Coronavírus. Há, agora, 12265 pessoas infetadas na região. Número...

MÉDIO TEJO – Coronavírus. Há, agora, 12265 pessoas infetadas na região. Número peca por excesso face à demora na atualização das ‘altas’

Há, nesta altura, 12265 pessoas infetadas com covid19 na região do Médio Tejo, sendo que está em causa um número que peca por excesso face à demora na atualização das altas concedidas no decurso da última semana. Neste sábado, refira-se, houve registo para 333 novos contágios, dos quais 73 em Ourém, 70 em Torres Novas, 45 em Abrantes, 41 no Entroncamento, 34 em Tomar, 29 em Vila Nova da Barquinha, 22 em Alcanena, nove em Constância, cinco em Ferreira do Zêzere, três em Mação e dois no Sardoal, agora num total de 53521. 40810 pessoas já foram dadas como recuperadas desta doença. 446 perderam a vida.

Perante este recente boletim da Unidade de Saúde Pública do Médio Tejo, Ourém continua como o concelho com maior número de infeções ativas, num total de 3306, seguindo-se Torres Novas, com 2063, e Tomar, com 1877.

Eis os dados atualizados desde o início da pandemia: Ourém (13257 infeções, 9850 recuperações e 101 óbitos. 3306 infeções ativas), Tomar (9304 casos, com 7363 recuperados e 64 óbitos. 1877 infeções ativas), Torres Novas (8767 casos, 6634 recuperações e 70 mortes. 2063 infeções ativas), Abrantes (6970 infetados, 5311 estão curados e 79 mortes. 1580 infeções ativas), Entroncamento (5275 infeções, 4002 recuperados e 27 mortes. 1246 infeções ativas), Alcanena (3162 casos, 2478 recuperações e 43 vítimas mortais. 641 infeções ativas), Ferreira do Zêzere (2142 casos, 1782 dos quais já recuperados e 20 vítimas mortais. 340 infeções ativas), Vila Nova da Barquinha (1623 casos, 1098 dos quais dados como curados e 14 mortes. 511 infeções ativas), Mação (1289 infeções, 1027 recuperados e 17 óbitos. 245 infeções ativas), Constância (953 infeções, 637 das quais já recuperadas e cinco mortes. 311 infeções ativas) e Sardoal (779 casos e 628 recuperados e seis óbitos. 145 infeções ativas).