MÉDIO TEJO – Coronavírus. Este é o quarto dia seguido sem infecções....

MÉDIO TEJO – Coronavírus. Este é o quarto dia seguido sem infecções. Tomar e Ourém tiveram mais duas “altas” cada

Pelo quarto dia seguido, o Médio Tejo não regista qualquer infecção COVID-19, um indicador animador, sem dúvida, mais ainda se se tiver em consideração que nos últimos nove dias apenas foram detectados dois casos no Entroncamento. Apesar destes “bons números”, não se pode baixar a guarda. Ou seja, as regras da Direcção-Geral da Saúde são para cumprir. Ainda no que a boas notícias diz respeito, nota para mais quatro “altas”: duas em Tomar e outras tantas em Ourém, num total de 131 recuperações de entre as 218 doenças desde a chegada da pandemia à região. Nesta altura, há 83 infecções activas. Neste particular, os concelhos de Torres Novas, com 33, Abrantes, com 23, e Entroncamento, com 16, são os territórios com maior índice de preocupação.

Eis os dados actualizados desde o início da pandemia: Torres Novas (52 casos e 19 recuperações), Ourém (50 infecções e 45 recuperações), Abrantes (41 infectados dos quais 18 já estão curados), Entroncamento (23 infecções e 7 recuperados), Tomar (22 casos com 18 recuperados e um óbito), Alcanena (14 casos, 10 recuperações e duas vítimas mortais), Vila Nova da Barquinha (7 casos, todos eles já dados como curados), Constância (três infecções, todas elas já recuperadas), Ferreira do Zêzere (dois casos já recuperados), Mação (também com dois casos, um dos quais dado como curado) e Sardoal (com dois casos, um dos quais já recuperado).

No que diz respeito a pessoas suspeitas de serem portadoras do vírus, Torres Novas tem 8, Abrantes com 7, Entroncamento com 3, Tomar e Sardoal com uma pessoa debaixo de olho das autoridades de saúde.