MÉDIO TEJO – Coronavírus… e Legislativas. Médicos de saúde pública apreensivos com...

MÉDIO TEJO – Coronavírus… e Legislativas. Médicos de saúde pública apreensivos com possível abertura aos isolados: «É um desrespeito pelo nosso trabalho»

A eventual abertura que o Governo poderá dar a quem está em confinamento para votar nas eleições Legislativas de 30 de Janeiro está a merecer críticas por parte dos médicos de saúde pública, que consideram que se pode estar perante um «mau exemplo» e ainda um «desrespeito» pelo trabalho de todos os profissionais de saúde no combate à pandemia em curso. Ainda não estão definidos os moldes em que essa suposta ‘abertura’ será feita, é verdade, mas já existe apreensão só perante essa possibilidade. Maria dos Anjos Esperança. Coordenadora da Unidade de Saúde Pública do Médio Tejo, em entrevista à Hertz, não hesitou em concordar com algumas das posições expressas por outros médicos da especialidade:

Maria dos Anjos Esperança confessou mesmo que se penaliza por dizer às pessoas para cumprirem confinamento, mesmo em situações de funerais de entes queridos, quando agora se prepara a tal abertura para que as pessoas que estão em isolamento possam votar: