MAÇÃO – Oficina domiciliária social procura elevar qualidade de vida

MAÇÃO – Oficina domiciliária social procura elevar qualidade de vida

O Município de Mação, «no seguimento de uma política social responsável, tem tido a preocupação de contribuir para a melhoria da qualidade de vida dos seus Munícipes, particularmente os públicos sociais mais vulneráveis como é o caso dos idosos, das pessoas com necessidades especiais sem ou com poucos meios de subsistência. Passará, por conseguinte, a disponibilizar a Oficina Domiciliária Social», refere um comunicado publicado na rede social Facebook. Um serviço que surge da constatação de que existem situações de dificuldade de origem funcional que afetam a qualidade de vida, designadamente problemas relacionados com substituições ou reparações, nomeadamente nas áreas de carpintaria/serralharia, eletricidade, água/saneamento, etc. A Oficina Domiciliária Social dá continuidade, e reforça, as várias políticas sociais já implementadas pelo Município de Mação, como os Incentivos à Natalidade e às famílias, o Balcão da Família, a Loja Solidária de Mação/Banco de Ajudas Técnicas, entre muitos outros.

OBJETIVOS DO PROJETO
A Oficina Domiciliária Social destina-se a apoiar através de pequenas reparações a executar no domicilio dos Munícipes recenseados no Concelho de Mação, que se encontrem em situação de carência económica e/ou social:
Terem 65 anos de idade;
Deficiência, devidamente comprovada;
Doença prolongada;
Terem rendimento mensal per capita do agregado familiar igual ou inferior ao valor do Indexante dos Apoios Sociais (IAS), fixado para o ano civil a que se reporta o pedido;
Outros, analisados pelo Serviço de Ação Social.

CONSIDERAM-SE PEQUENAS REPARAÇÕES:
Substituição de vidros partidos;
Reparação/substituição de torneiras;
Reparação/Substituição de autoclismos;
Reparação/ Substituição de estores e persianas;
Reparação/substituição de tomadas de eletricidade, casquinhos, lâmpadas e interruptores;
Deslocação de móveis e objetos pesados dentro do domicílio e fixação de objetos às paredes e teto;
Outras pequenas reparações (sujeitas a avaliação).
Os serviços da Oficina Social Domiciliária preveem a mão-de-obra gratuita em todos os trabalhos prestados; bem como o serviço prestado por pessoal técnico qualificado do Município de Mação e/ou voluntários inscritos no Banco Local de Voluntariado de Mação.
Os materiais para a concretização das reparações serão da responsabilidade do interessado/a.

Cada agregado familiar poderá recorrer ao Serviço da Oficina Domiciliária até ao limite de 3 vezes por ano, salvo situações concretas a serem avaliadas pelo Serviço de Ação Social da Câmara Municipal de Mação.
O pedido para este apoio deverá ser efetuado por requerimento próprio no Serviço de Ação Social.