MAÇÃO – Cerimónia de constituição de equipas de intervenção permanente foi cancelada...

MAÇÃO – Cerimónia de constituição de equipas de intervenção permanente foi cancelada devido ao trágico acidente de Vinhais

A morte de dois bombeiros da Corporação de Vinhais, distrito de Bragança, na sequência de um trágico despiste de uma viatura de combate – acidente que ocorreu nesta quinta-feira – cancelou a cerimónia de Assinatura dos Protocolos para a Constituição de 101 Equipas de Intervenção Permanente, que iria decorrer nesta sexta, em Mação, sendo que esta sessão foi adiada para data ainda a determinar. Neuza Guedes, de 36 anos, e Carlos Morais, de 22, perderam a vida na sequência de um despiste da viatura onde seguiam, precisamente para o combate a um incêndio rural que estava ativo naquela altura. Houve, ainda, registo para três feridos, um dos quais em estado grave. Perante este quadro trágico, o Ministério da Administração Interna entendeu por bem cancelar, assim, a cerimónia prevista para Mação, para onde estava prevista a formalização de novas 110 equipas de intervenção permanente, num total de 516 já protocoladas.