LEIRIA – Jovem, de 19 anos, acusado de atear incêndios na Ortigosa,...

LEIRIA – Jovem, de 19 anos, acusado de atear incêndios na Ortigosa, terá de se sujeitar a tratamento adequado à dependência de consumo de produtos estupefacientes e ao seu estado depressivo

O jovem, de 19 anos, que foi detido pela Polícia Judiciária por suspeitas de ter ateado dois incêndios na localidade de Ortigosa, concelho de Leiria, fica sujeito à obrigação de se sujeitar a tratamento adequado à dependência de consumo de produtos estupefacientes e a tratamento ao seu estado depressivo ou de outra doença do foro mental diagnosticada, em instituição adequada e à obrigação de se apresentar, três vezes por semana, à autoridade policial. Estão em causa dois fogos que ocorreram no recente 28 de Março. O Ministério Público refere que o arguido «se dirigiu a uma zona florestal, onde ateou fogo a um arbusto, com um isqueiro. Verificando que o fogo assim gerado estava a esmorecer, ateou novo fogo com o isqueiro, o qual se alastrou e provocou a deflagração de um incêndio. De seguida, o arguido abandonou o local, onde ardeu uma extensão de cerca de 2700m2 de área florestal, maioritariamente mato e eucaliptal». De seguida, o indivíduo «deslocou-se até às imediações de outra zona florestal, onde usou, novamente, o isqueiro para atear fogo aos fetos aí existentes, o qual se alastrou e provocou a deflagração de um incêndio, que progrediu rapidamente. Ardeu uma extensão de cerca de 1900m2 de área florestal, maioritariamente mato e eucaliptal. Foto Bombeiros Voluntários de Ortigosa/Facebook