ENTRONCAMENTO – Município reforça a rede de ecopontos no concelho

ENTRONCAMENTO – Município reforça a rede de ecopontos no concelho

O Município do Entroncamento iniciou o reforço da rede de ecopontos que serve o concelho. Com este investimento, a população do Entroncamento irá beneficiar de um aumento na capacidade de contentorização de fluxos de recolha seletiva, correspondente a 74 ecopontos. A colocação destes equipamentos está a cargo da Resitejo – Associação de Gestão dos Lixos do Médio Tejo, sistema de gestão de resíduos no qual o concelho do Entroncamento está integrado. Logo no início da instalação dos novos equipamentos, foram identificadas algumas anomalias pelo Município, que diligenciou de imediato junto da Resitejo que procedesse à recolocação adequada à manutenção das condições de transitabilibilidade na via pública, conforme estabelecido previamente. Prevê-se que as operações de recolocação, iniciadas na passada semana estejam concluídas durante esta semana e que a totalidade dos 74 novos ecopontos estejam ao serviço da população até ao final da primeira semana de dezembro. A georreferenciação dos locais de implantação foi fruto de um estudo elaborado pela entidade gestora (Resitejo), aperfeiçoado pelos Serviços do Município com foco na comodidade dos habitantes, otimizando a distribuição de ecopontos em função das densidades populacionais e garantido que a generalidade dos habitantes tem acesso a um ecoponto a menos de 200 metros da sua habitação. Com a instalação dos novos equipamentos, os munícipes do Entroncamento vão poder contar com uma rede de cerca de 212 ecopontos, o que se traduz no rácio de um ecoponto por cada 100 habitantes, o mais elevado do conjunto de Municípios que integram a Resitejo.