ENTRONCAMENTO – Já há mais de 50 nacionalidades ‘residentes’ no concelho. Mercado...

ENTRONCAMENTO – Já há mais de 50 nacionalidades ‘residentes’ no concelho. Mercado habitacional já esteve mais acessível do que na atualidade (c/vídeo)

Há, nesta altura, mais de 50 nacionalidades presentes no dia-a-dia do Entroncamento, um número que ganhou uma maior dimensão com a chegada de diversas comunidades estrangeiras à cidade, em especial provenientes de Lisboa. A centralidade deste território do Médio Tejo e a ligação à ferrovia são factores-chave para esta tendência, sendo que no Agrupamento de Escolas, por exemplo, já são mais de 500 as crianças e jovens naturais de outros países que se integraram. Esta situação teve reflexo no mercado habitacional, em especial no arrendamento. Jorge Faria, presidente da Câmara do Entroncamento, em entrevista à Hertz, admitiu isso mesmo, referindo que já foi mais fácil encontrar casa do que atualmente acontece. Assista ao vídeo editado pela nossa redação.