ECONOMIA – Como ter eletricidade 100% verde em casa

ECONOMIA – Como ter eletricidade 100% verde em casa

Ter eletricidade 100% verde em casa é, sem dúvida, um primeiro e importante passo para um compósito mais sustentável para com o planeta. Na prática, uma eletricidade 100% verde significa adotar um tipo de energia que não deixa qualquer pegada e com zero emissões de carbono. Isso só é possível, porque implica a adopção de eletricidade proveniente de fontes 100% renováveis.

Se por um lado, já são muitas as empresas que adotaram este tipo de energia; também gradualmente se tem assistido a um crescente interesse em usar energia verde em casa, por parte de particulares. Tendo isto em conta, vamos explicar-lhe como ter energia 100% verde em casa.

Para começar, é preciso que entenda que (de momento) dificilmente a sua casa estará realmente a usar eletricidade 100% verde. Perceba que para ser 100% verde, a energia que chega a sua casa deverá ser proveniente única e exclusivamente de fontes:

  • Solares
  • Eólicas
  • Hídricas e/ou
  • Biomassa

Logo, a mudança passará também por alterar o seu plano de eletricidade. Por isso, se quer honrar este compromisso, pode contar com empresas como a Goldenergy cuja missão passa precisamente por ajudar os clientes a transitarem de um sistema convencional para uma energia limpa. Para isso, asseguram um compromisso ético com o meio ambiente e com os seus clientes, assegurando que toda a eletricidade que compram provém de uma produção 100% renovável.

Imagine, por exemplo, o serviço de eletricidade. Sem dúvida que é essencial e não poderia viver sem eletricidade em casa, certo? Pois bem, o que a empresa faz é assegurar que toda a energia que lhe fornece e que, consequentemente, consome passa a vir de fontes renováveis. Ou seja, na prática e no dia a dia, em nada ficará prejudicado, nem corre o risco de ficar sem luz. Aliás, nem vai notar a diferença.

Para o assegurar, este tipo de empresas trabalha com produtores de energia locais celebrando contratos bilaterais, que são diretamente negociais com os produtores.

Quanto custa uma energia 100% verde em casa?

Em termos económicos, é um facto que a energia verde nem sempre é a mais barata. Mas hoje em dia, existem várias empresas com ofertas bastante competitivas e são cada vez mais os consumidores interessados em fazer a troca.

Se ainda está indeciso, seja quanto aos preços ou aos benefícios, o melhor será sempre fazer uma simulação, de modo a perceber exatamente – e no seu caso específico – de quanto poderia ser a poupança.

Sim, porque é possível poupar. Se olhar com atenção para a sua factura, verá com detalhe que uma grande parte dos gastos não diz respeito aos custos da eletricidade em si, mas a custos relacionados com os sistemas, taxas e outros impostos. Logo, mudar de provedor seria também uma forma de ter de pagar todos estes extras.

Dinheiro à parte, na prática (para que tenha uma ideia), mudar para uma energia 100% verde será o equivalente a plantar cerca de 40 árvores por ano, pois estará a reduzir significativamente as emissões de CO2! Vale a pena, não acha?