ECONOMIA – Como escrever um CV: dicas para 2022

ECONOMIA – Como escrever um CV: dicas para 2022

A primeira coisa de que precisa para escrever um bom CV é certificar-se de que conhece o seu objetivo. Precisa de escrever o seu CV com o trabalho em mente. O CV certo dá-lhe a oportunidade de ter uma entrevista rapidamente, mas um CV mal redigido pode significar que nem sequer receberá uma rejeição, apenas nunca mais ouvirá falar dessa oportunidade de emprego.

Portanto, em 2022, há algumas coisas que precisa de fazer para tirar o máximo partido do seu CV e mostrar aos potenciais empregadores porque é a pessoa ideal para a função.

Este guia dar-lhe-á as nossas melhores dicas sobre como escrever um bom CV, digno de nota.

O que é um CV?

“CV” é a abreviatura de “Curriculum Vitae”: uma frase latina que significa literalmente, “curso de vida”; um breve relato da sua educação, qualificações e emprego anterior.  É a forma como se apresenta ao mundo exterior, o mundo do trabalho. É uma forma de marketing pessoal, por isso certifique-se, quando escrever o seu CV, de que este o apresenta da melhor forma possível.

Lembre-se que escrever um CV é, muitas vezes, apenas uma parte do processo de candidatura, pois também podem ser solicitados uma carta de apresentação e o formulário de candidatura.

Que informações devo incluir ao escrever o meu CV?

O formato do CV é flexível, e são utilizados muitos estilos diferentes. É necessário adaptar o conteúdo do seu CV ao trabalho em questão. Pode encontrar ajuda em CVMaker.pt para criar um CV simples e profissional.

E há elementos que a maioria dos empregadores espera encontrar:

Nome, título profissional e informações de contacto

O título do seu CV, no topo do CV, deve ser o seu nome, título profissional e informações de contacto.

Não se preocupe em acrescentar “Curriculum Vitae” como título, o título deve ser o seu nome – qualquer outra coisa é apenas um desperdício de espaço do seu CV.

Perfil profissional

Trata-se simplesmente de algumas linhas sobre si, quem é, o que espera alcançar e os seus objetivos. Faça-o corresponder ao trabalho a que se candidata, se possível. A pessoa descrita no seu perfil pessoal (você) deve soar como o candidato ideal para o trabalho.

Histórico e experiência de trabalho

Esta seção é onde pode realmente brilhar. Defina os seus cargos anteriores, a sua experiência, voluntariado, colocações ou estágios. Deve listá-los por ordem cronológica inversa, ou seja, a mais recente primeiro. O seu cargo mais recente deve ser da maior importância para o seu potencial empregador.

Educação

Mais uma vez, por ordem cronológica inversa, o mais recente primeiro. Isto deve incluir para cada item:

  • Instituição (escola, faculdade, universidade)
  • Qualificação com notas/distinções, etc.
  • Datas de participação/conclusão

Realizações

As suas realizações são coisas significativas que cumpriu nos cargos que desempenhou que vão para além das responsabilidades ou tarefas associadas a essas funções.

Ao apresentar uma candidatura a um emprego, enfatizar as suas realizações pode ajudá-lo a convencer a empresa de que seria perfeito para o cargo.

Referências

Deixou de ser uma secção obrigatória, mas se desejar incluí-la, sinta-se à vontade para o fazer. Porém, pode sempre apenas adicionar “referências disponíveis mediante pedido” ou deixá-las completamente de fora quando criar o seu CV. Esse seria o nosso conselho geral.

Passatempos e interesses

Se utilizar esta secção no seu CV, tente mantê-la interessante. Inclua passatempos pouco usuais, que aumentam a sua aptidão para a função. Evite passatempos e interesses realmente comuns, tais como ler, caminhar, etc..