CHAMUSCA – Concelho ganha campo icónico de Basket com arte de Vasco...

CHAMUSCA – Concelho ganha campo icónico de Basket com arte de Vasco Costa

A Câmara Municipal da Chamusca e a Hoopers, startup portuguesa que está a desenvolver uma plataforma de comunidade para conectar jogadores, fãs e entusiastas de Basquetebol, uniram esforços e procederam à requalificação do campo de Basquetebol localizado no Parque Municipal da vila ribatejana. Enquadrado no belo jardim da vila, que tem sido alvo de várias iniciativas de recuperação e embelezamento paisagístico, encontra-se este campo, com cerca de 440m2, dedicado exclusivamente à prática do Basquetebol e bastante utilizado pela comunidade local para prática informal desta modalidade. Para Cláudia Moreira, Vice-Presidente do Município: “este projeto é mais uma etapa na requalificação de espaços desportivos e de lazer do Município. Acreditamos que este colorido espaço será mais um dos bons motivos para visitar o nosso jardim e também um convite à prática informal do Basquetebol neste colorido local”. O artista urbano Vasco Costa é o responsável pelo projeto. “Procurei enquadrar e inspirar-me neste jardim e em tudo o que ele comporta, trazendo para o campo vários elementos que podemos encontrar no meio envolvente, conferindo-lhes uma explosão de cores e formas, que é muito a minha imagem de marca. Estou muito contente com o resultado final”, afirma o artista. Este é mais um projeto conduzido pela Hoopers, que continua a acumular iniciativas em prol da comunidade do Basquetebol. “Estamos a trabalhar em várias frentes e a preparar novidades para continuarmos a servir a nossa comunidade. Ao nível dos campos, vamos continuar a desenvolver este tipo de iniciativas, que são fundamentais para incentivar a prática formal e informal nos locais, além de permitirem a recuperação dos espaços”, afirma André Costa, responsável da Hoopers. O espaço já se encontra aberto ao público e será realizado um evento para assinalar as suas novas cores no final do mês de julho – data a definir – para ativar a comunidade local de praticantes formais e informais. Este projeto contou com o apoio e participação da JOPINTO e da Robbialac.