ATUALIDADE – NERSANT dinamizou sessão informativa sobre formação para ativos

ATUALIDADE – NERSANT dinamizou sessão informativa sobre formação para ativos

A oferta formativa da NERSANT – Associação Empresarial da Região de Santarém foi promovida durante a realização da FERSANT – Feira Empresarial da Região de Santarém. A associação empresarial realizou uma sessão de esclarecimentos onde clarificou as condições de participação, programas formativos e calendário de ações previstas dos diversos projetos de formação financiada, quer para desempregados e empregados, quer para gestores e empresários. Na manhã do dia 7 de junho, no CNEMA, em Santarém, a NERSANT reuniu um conjunto de colaboradores de empresas e gestores com o objetivo de lhes dar a conhecer a sua oferta formativa financiada. Luís Roque, responsável pelo Departamento de Formação e Qualificação da NERSANT, começou por dar a conhecer o projeto de formação gratuito, Emprego+Digital, realizado em parceria com a CIP no âmbito do Plano de Ação para a Transição Digital. O projeto, referiu o responsável, tem como objetivo “qualificar os ativos empregados das empresas associadas da NERSANT para a área digital, através da realização de ações de formação especializada na área digital, que respondam a necessidades transversais das empresas”. “E-Consumidores”, “E-marketing – tecnologias de informação e comunicação”, “Marketing digital”, “Meios de comunicação digital”, “Ferramentas de produtividade avançadas”, “Escritório eletrónico – segurança e partilha de ficheiros”, “Teletrabalho”, “Literacia digital – iniciação”, “Literacia digital – intermédio”, “Folha de cálculo”, “Folha de cálculo – funcionalidades avançadas”, “Processador de texto”, “Gestão de conteúdos digitais”, “Gestão da presença empresarial nas redes sociais” e “Fundamentos de cibersegurança” são algumas das ações disponíveis no âmbito deste programa e nas quais os colaboradores das empresas associadas da NERSANT se podem inscrever, de forma totalmente gratuita.

Outro projeto de formação gratuita, desta vez para ativos empregados ou desempregados, é a Formação Modular Certificada, prosseguiu Luís Roque. No âmbito deste projeto, estão disponíveis dezenas de ações de formação em áreas tão distintas como “Desenvolvimento pessoal/Comportamental”, “Línguas”, “Comércio/vendas”, “Marketing”, “Logística”, “Contabilidade e fiscalidade”, “Gestão”, “Secretariado”, “Qualidade”, “Direito/Legislação”, “Informática”, “Indústrias alimentares”, “Saúde”, “Segurança e saúde no trabalho”, “Produção Agrícola”, “Serviço de apoio a crianças e jovens” e “Trabalho social e orientação”. O responsável pela formação da NERSANT explicou ainda que no âmbito destes dois projetos de formação gratuita, as ações de formação podem realizar-se de forma presencial ou totalmente online, concluindo com a apresentação do calendário de ações para o mês de junho: “Legislação laboral – contrato de trabalho/ direitos individuais” e “Liderança e motivação de equipas” iniciam dia 20 de junho, “Poupança e suas aplicações” avança dia 22 e “Língua inglesa – vendas” tem início dia 28. Para as empresas cujas ações disponíveis não se enquadram, Luís Roque informou que a NERSANT realiza de igual modo “ações de formação à medida das empresas”, podendo desta forma “executar ações de acordo com conteúdos programáticos já existentes ou criar novos conteúdos de acordo com a realidade de cada organização, preparando, implementando e avaliando todo o projeto formativo”. A sessão de esclarecimentos deu ainda a conhecer os projetos de formação-ação disponibilizados pela NERSANT e que juntam duas componentes fundamentais: formação e consultoria especializada e adaptada a cada uma das empresas. Mónica Silva, do Departamento de Formação e Qualificação da NERSANT, esclareceu que este tipo de formação prevê a elaboração de um diagnóstico completo à empresa, a definição e implementação do plano de ação e a avaliação das medidas implementadas. São objetivo da formação-ação, explicou ainda, “intensificar a formação de empresários e gestores para a reorganização e melhoria das capacidades de gestão”, “proporcionar formação aos trabalhadores devidamente enquadrada na estratégia e necessidades da empresa” e “modernizar os modelos de negócio, a organização e as práticas de gestão”.

Quanto à formação-ação, a NERSANT dinamiza dois projetos distintos, financiados a 90 por cento: o Move PME e o Melhor Turismo 2020. O Move PME, desenvolvido em parceria com a AIP/CE – Associação Industrial Portuguesa/Confederação Empresarial, e que tem como destinatários “todos os setores de atividade de forma geral”. As empresas participantes podem desenvolver este programa nas suas organizações em diversas áreas temáticas – “Organização e Gestão”, “Implementação de Sistemas de Gestão (Qualidade, Ambiente, SST, Inovação ou outros)”, “Internacionalização”, “Capitalizar: otimização de recursos financeiros”, “Economia digital” e “Gestão Estratégica” – tendo em conta os seus objetivos. Quanto ao Melhor Turismo 2020, trata-se de um programa de formação-ação desenvolvido em parceria com a CTP – Confederação do Turismo Português e que está disponível no ciclo metodológico “Gestão de Microempresas”. No âmbito deste projeto – direcionado para o setor da hotelaria, turismo e eventos – as PME participantes podem reforçar as competências base de gestão, intervindo em temáticas como a otimização de recursos financeiros e a economia digital. A sessão informativa da NERSANT terminou com a associação a efetuar esclarecimentos às diversas empresas e ativos presentes. Os interessados em saber mais sobre os projetos de formação da NERSANT, devem consultar o Departamento de Formação e Qualificação da associação através dos contactos dfq@nersant.pt ou 249 839 505. No portal da NERSANT, está também disponível uma área informativa sobre a formação da NERSANT, em https://www.nersant.pt/academia/. No caso da formação gratuita, as inscrições são feitas online, no mesmo portal. De referir que esta sessão de esclarecimentos integrou o programa da 33.ª edição da FERSANT – Feira Empresarial da Região de Santarém, que está a decorrer no CNEMA em Santarém em conjunto com a Feira Nacional da Agricultura / Feira do Ribatejo, até dia 12 de junho.