ATUALIDADE – Coronavírus. Governo elimina uso de máscaras nos transportes públicos e...

ATUALIDADE – Coronavírus. Governo elimina uso de máscaras nos transportes públicos e nas farmácias

O Conselho de Ministros aprovou, hoje, o decreto-lei que procede à eliminação da obrigatoriedade do uso de máscaras ou viseiras nos transportes coletivos de passageiros, incluindo o transporte aéreo, bem como no transporte de passageiros em táxi ou TVDE, assim como nas farmácias de venda ao público e ainda em locais em que tal seja determinado em normas da Direção-Geral da Saúde. «Com o intuito de proteger quem se encontre em situação de maior vulnerabilidade, o uso de máscaras ou viseiras mantém-se obrigatório em estabelecimentos e serviços de saúde, e em estruturas residenciais ou de acolhimento ou serviços de apoio domiciliário para populações vulneráveis, pessoas idosas ou pessoas com deficiência, bem como unidades de cuidados continuados integrados da Rede Nacional de Cuidados Continuados Integrados», refere o Governo em nota de imprensa. «Face ao desenvolvimento positivo da situação epidemiológica, considera-se oportuno avançar na eliminação de mais medidas restritivas, assegurando sempre a proporcionalidade destas às circunstâncias da infeção que se verificam em cada momento e independentemente da necessidade da sua modelação futura, designadamente em função da sazonalidade», reforça o mesmo texto.