ALVAIÁZERE – Homem acusado de violência doméstica fica proibido de falar com...

ALVAIÁZERE – Homem acusado de violência doméstica fica proibido de falar com a esposa e está obrigado a tratamento de dependência de álcool

O homem, de 55 anos, acusado de violência doméstica contra a esposa, de 51 – ambos residentes em Almoster, concelho de Alvaiázere – ficou sujeito a termo de identidade e residência, à proibição de contactar a vítima por qualquer meio, à proibição de frequentar, permanecer ou abeirar-se sem autorização da atual residência e à obrigação de se sujeitar a tratamento da dependência de álcool que se indicia padecer, solicitando-se de imediato a marcação de consulta. A Procuradoria da Comarca de Leiria, num esclarecimento, refere que «o arguido dirigiu-se à sua esposa e proferiu expressões injuriosas e ameaçadoras, humilhando-a e causando-lhe medo. Mais se indicia que, por diversas vezes, no interior da residência comum do casal, sita na freguesia de Almoster, humilhou-a e ameaçou-a, incutindo-lhe receio pela sua segurança e de forma a afetar a sua tranquilidade». Foto ilustrativa