ACTUALIDADE – Vila de Rei e Sardoal inauguram Percurso Pedestre “Rota da...

ACTUALIDADE – Vila de Rei e Sardoal inauguram Percurso Pedestre “Rota da Prata e do Ouro”

Os Municípios de Vila de Rei e Sardoal vão inaugurar, pelas 08h00 do dia 2 de Maio, o novo Percurso Pedestre “Rota da Prata e do Ouro”, que ligará as sedes destes dois Concelhos.Com início junto ao Centro Cultural Gil Vicente, no Sardoal, e com uma extensão de 28 km, esta nova rota vai oferecer aos seus utilizadores um percurso muito variado e cheio de surpresas. O seu nome deriva da existência, nos respetivos territórios, de várias minas de prata e ouro já desativadas. O ponto de encontro dos participantes que irão sair de Vila de Rei está marcado para as 07h30, junto à Câmara Municipal de Vila de Rei.O programa da iniciativa inclui uma paragem para lanche pelas 10h00, na aldeia de Mivaqueiro, paragem para almoço pelas 13h30 na Praia Fluvial do Penedo Furado e chegada a Vila de Rei pelas 18h00, onde serão recebidos pelos Presidentes das Autarquias, seguindo-se uma breve atuação do Rancho Folclórico “Os Resineiros de Alcaravela” e do Grupo de Concertinas da Casa do Benfica de Vila de Rei.Todos os interessados poderão realizar a sua inscrição ou obter mais informações através da Câmara Municipal de Sardoal (turismo@cm-sardoal.pt ou 241 851 498) ou da Câmara Municipal de Vila de Rei (floresta@cm-viladerei.pt ou do 274 890 014).As Autarquias de Vila de Rei e Sardoal garantem o transporte Vila de Rei – Sardoal no início e após o final do percurso.No mundo atual nascem quase todos os dias tendências que rapidamente são adotadas pela sociedade. Muitas delas sobrevivem pouco tempo, outras permanece, crescem e tornam-se modas. Há modas boas e as melhores são que as incorporam e incutem para objetivos saudáveis e obedecem a princípios básicos geralmente aceites.Estão neste caso os passeios pedestre. Na Europa e não só, esta realidade já tem dezenas de anos com a existência de redes e caminhos sinalizados e com elevado nível de suporte informativo. Em Portugal, esta prática chegou timidamente nos anos 80 e 90, tendo adquirido maior importância já no sec. XXI. Nas zonas Centro e Norte, e também nos arquipélagos da Madeira e Açores, existem centenas de percursos que atraem anualmente milhares de visitantes que contribuem muito significativamente para o seu desenvolvimento turístico.Sensíveis a esta “tendência”, as Autarquias de Sardoal e Vila de Rei vêm criando e animando, nos últimos anos, percursos pedestres turísticos apoiados, sobretudo, no seu rico e diversificado património natural em que floresta e água complementam paisagens fantásticas.Atentos ao potencial turístico que estas iniciativas comportam, até pela possibilidade de se promoverem também os produtos da terra, folclore e artesanato locais, decidiram estas duas Autarquias a criação de uma Rota que une as sedes dos dois concelhos.