ABRANTES – ‘AlternativaCom’ promove debate cívico sobre o Orçamento Participativo

ABRANTES – ‘AlternativaCom’ promove debate cívico sobre o Orçamento Participativo

O Movimento ALTERNATIVAcom (Associação ABRANTEScom Alternativa) realiza, no próximo dia 22 de junho, pelas 18 horas (até às 20h), no Edifício Pirâmide (ao Largo de Santo António, Abrantes), um Debate Cívico sobre o Orçamento Participativo de Abrantes. O evento é aberto a todos os cidadãos, contando com a intervenção do Prof. Doutor Giovanni Allegretti, cuja Nota Biográfica se publica adiante. O debate, que contará também com a participação do vereador Vasco Damas, líder do Movimento ALTERNATIVAcom, e de outros autarcas do movimento independente de Abrantes, centrar-se-á no reconhecimento da importância do OP enquanto instrumento essencial da cidadania participativa, com periodicidade anual, identificando-se modelos eficazes de participação ativa dos cidadãos, de equidade entre territórios demograficamente diferenciados e de execução atempada dos projetos aprovados.

NOTA BIOGRÁFICA SOBRE GIOVANNI ALLEGRETTI – Licenciado em Arquitetura e Doutorado em Planeamento Urbano, Territorial e Ambiental pela Universidade de Florença (Itália), é investigador sénior do Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra, integrando o Núcleo de Estudos sobre Democracia, Cidadania e Direito. Desde 2014, possui a habilitação de professor associado em Itália, onde foi docente de Gestão Urbana e Análise do Território e das Povoações, na Universidade de Florença. Desempenha atualmente as funções de cocoordenador do Doutoramento em “Democracia no Século XXI”, na Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra (FEUC). As suas áreas principais de pesquisa incluem a participação dos cidadãos na gestão da orçamentação e das transformações territoriais, sobre as quais possui inúmeras publicações em diversas línguas. Também pesquisa temas como a cidade informal e a autoprodução do habitat, o direito à cidade, as práticas de “cidadania insurgente” e as redes de cidades no cenário internacional. Representante de Portugal na Ação COST “Constitution-making and deliberative democracy”, é membro ativo do Standing Group on “Democratic Innovations” no European Consortium of Political Research (ECPR), da Comissão de Inclusão Social, Democracia Participativa e Direitos Humanos de Cidades e Governos Locais Unidos, e do Observatório Internacional da Democracia Participativa (OIDP). Coordenador de vários projetos de investigação que resultaram na organização e publicação de livros e artigos científicos, foi também formador, consultor e avaliador de processos participativos em mais de 50 países dos 5 continentes, quer para organizações cívicas e administrações públicas, quer para instituições internacionais como o Banco Mundial, a UCLG – United Cities and Local Governments, a Comissão Europeia e o Conselho da Europa. No mandato 2014-2019, foi copresidente da Autoridade Independente para a Garantia e a Promoção da Participação, da Região Toscana (Itália).